AO VIVO

domingo, 5 de janeiro de 2014

No confronto direto, Juventus vence Roma e abre na ponta da Série A

    
     Os olhos da Itália estavam focados no Juventus Stadium. O encontro de líder e vice-líder marcava a volta da Série A TIM, após rescesso das festas de final de ano. Para o time da capital, era a chance de encostar e diminuir a vantagem de 5 pontos que a Juventus abriu na ponta. 

       O time de Rudi Garcia começou muito bem o jogo. Com seu ousado 4-3-3 obrigou a Juventus recuar um pouco mais no começo do jogo para equilibrar as coisas. O 4-3-3 contra o 3-5-2 deixava exposta a defesa bianconeri em vários momentos do jogo. 

        Conti percebeu e fez uma linha de 5, com isso a Juve passou a jogar no 5-3-2. A posse de bola no começo ficou com a Roma. A Juventus se formatou para jogar no contragolpe. Alguns chutes perigosos, por parte da Roma marcaram os primeiros 15 minutos. Buffon apareceu em dois deles. Numa finalização de Pjanic e na outra de Maicon, o capitão da Vecchia Segnora se saiu bem e evitou o gol.


      Sem achar espaços na defesa da Roma, a Juventus precisou ser criativa. A inteligência de seus jogadores acabou sendo primordial para abrir o placar. De um lateral acabou saindo o gol do time da casa. Aproveitando segundos de desatenção do time da capital, Lichsteiner cobrou rápido o lateral e deixou a bola para Tévez. O camisa 10 balançou na frente da marcação e deu passe maravilhoso para Vidal, que esperou De Sanctis cair e deu um tapa no canto do goleiro giallorrosi, 1-0. Tévez chegou a sua quinta assistência na Série A Tim, do Campeonato Italiano. 

      A Roma ficou sem reação durante uns sete minutos, tetando entender o que se passava no Juventus Stadium, já que o jogo parecia estar sob controle e o time de Garcia jogava bem. As movimentações de Strootman e Pjanic obrigaram a Pirlo e Vidal se preocuparem muito com a marcação, mas todo esse controle da Roma era falso, já que as grandes chances não eram criadas. A primeira etapa terminou com a vitória da Juventus por 1-0.

      Pro segundo tempo o time de Conte voltou com uma postura diferente. Mais presente no campo de ataque, a Velha Senhora não apenas assistiu a Roma jogar, como atacou e assustou os giallorrosi. Na bola parada,a Juve criava suas oportunidade. Foi através de uma que saiu o segundo gol. Falta pela esquerda, Pirlo levantou na área e Bonucci, com muita malemolência confundiu Dodô e apareceu livre pra de carrinho marcar o segundo, 2-0. 

     A Roma se descontrolou na partida. Chegadas mais fortes acabaram marcando o segundo tempo. Daniele De Rossi se mostrou o mais nervoso. Já na parte final do jogo, o vice-capitão da Roma deu uma entrada criminosa em Chiellini, seu companheiro de Seleção Italiana e foi expulso por Nicola Rizzoli. Na cobrança de falta, Barzagli cabeceou por cobertura a bola ia entrar e Leandro Castán meteu a mão na bola. Pênalti e expulsão. Vucinic, que entrara minutos antes no lugar de Tévez que saiu machucado, converteu o penal e fechou o caixão da Roma, 3-0. 


   Ainda teve tempo de Ljajic dar uma entrada forte em Pogba, mas Rizzoli apenas aplicou o amarelo no camisa 8 da Roma. 
Com a vitória, a Juventus abre 8 pontos na liderança da Série A Tim e caminha transquila para conquistar o tri em sequência do Italiano.

Ouça os gols da partida, com a narração de Rodrigo de Oliveira e comentários de Emanuel Mourão.